Tel: 11 | 2717.7379
Rua Uhland, 498 - 2º andar - Vila Ema
CEP 03283-000 | São Paulo - SP
Ver mapa!

Quem Somos

Consultores especializados em assessorar os contribuintes que estejam aptos a se aposentar, em decorrência de já terem cumprido o tempo necessário para tal, idade ou buscar os direitos relativos aos benefícios assistenciais mantidos pelo INSS.

Nossos Serviços

Analisar detalhadamente a documentação de nossos clientes, visando maximizar o que há de melhor em relação à sua aposentadoria, tanto em relação aos períodos de contribuição quanto em relação ao Salário de Benefício a ser recebido do INSS.

O que é o Perfil Profissiográfico Previdenciário - PPP

Perfil Profissiográfico Previdenciário - PPP é um formulário com campos a serem preenchidos com todas as informações relativas ao empregado, como por exemplo, à atividade exercida, o agente nocivo ao qual está exposto, a intensidade e a concentração do agente, exames médicos clínicos, além de dados referentes à empresa.

Conheça agora os tipos de Aposentadoria

Aposentadoria por tempo de contribuição:

A Aposentadoria por tempo de contribuição é um benefício devido ao cidadão que comprovar o tempo total de 35 anos de contribuição, se homem, ou 30 anos de contribuição, se mulher.

Aposentadoria por idade:

Têm direito ao benefício os trabalhadores urbanos do sexo masculino a partir dos 65 anos e do sexo feminino a partir dos 60 anos de idade, e comprovar no mínimo 180 meses de trabalho. Os trabalhadores rurais podem pedir aposentadoria por idade com cinco anos a menos: a partir dos 60 anos, homens, e a partir dos 55 anos, mulheres.

Aposentadoria Especial:

Benefício concedido ao segurado que tenha trabalhado em condições prejudiciais à saúde ou à integridade física. Para ter direito à aposentadoria especial, o trabalhador deverá comprovar, além do tempo de trabalho, efetiva exposição aos agentes físicos, biológicos ou associação de agentes prejudiciais pelo período exigido para a concessão do benefício (15 20 ou 25 anos).

Pensão por morte:

Benefício pago à família do trabalhador quando de sua morte. Para concessão de pensão por morte, não há tempo mínimo de contribuição, mas é necessário que o óbito tenha ocorrido enquanto o trabalhador tinha qualidade de segurado.

Se o óbito ocorrer após a perda da qualidade de segurado, os dependentes terão direito a pensão desde que o trabalhador tenha cumprido, até o dia da morte, os requisitos para obtenção de aposentadoria, concedida pela Previdência Social.

Benefício de Prestação Continuada da Assistência Social – BPC-LOAS ao idoso e à pessoa com deficiência:

É a garantia de um salário mínimo mensal ao idoso acima de 65 anos ou ao cidadão com deficiência física, mental, intelectual ou sensorial de longo prazo, que o impossibilite de participar de forma plena e efetiva na sociedade, em igualdade de condições com as demais pessoas.

Para ter direito, é necessário que a renda por pessoa do grupo familiar seja menor que 1/4 do salário-mínimo vigente.

Fórmula 85/95 para Aposentadorias por Tempo de Contribuição:

Começam a valer novas regras para a concessão da aposentadoria por tempo de contribuição por meio da fórmula 85/95 Progressiva. Pela Lei 13.183, o cálculo levará em consideração o número de pontos alcançados somando a idade e o tempo de contribuição do segurado. Alcançados os pontos necessários, será possível receber o benefício integral, sem aplicar o fator previdenciário.

  Homem Mulher
Até 30 de dezembro de 2018 85 95
De 31 de dez/18 a 30 de dez/20 86 96
De 31 de dez/20 a 30 de dez/22 87 97
De 31 de dez/22 a 30 de dez/24 88 98
De 31 de dez/24 a 30 de dez/26 89 99
De 31 de dez/2026 em diante 90 100

Para mais informações entre em contato

11 2717-7379 | mltsenior@terra.com.br

Será um prazer auxiliá-lo em todo processo.